A profissional Juliana Faria, como começou

Dizem que descobrimos nosso talento ainda cedo quando crianças em meio às nossas brincadeiras.
Comigo aconteceu isto também. Quando eu era adolescente, acho que tinha uns 11 anos, principalmente nos finais de semana chuvosos, adorava brincar de organizar armários.
Nunca podia imaginar que 30 anos depois, esta brincadeira iria se tornar a minha grande paixão, a profissão de Personal Organizer.
Sou formada em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade Belas Artes  de São Paulo e em Design de Interiores pela Escola Panamericana de Artes. Trabalhei 21 anos na área de projetos de interiores e em 2007, percebi que havia um nicho de mercado, o de Personal Organizer, pouco explorado até então no Brasil.
A partir daí e com a experiência da área de interiores, realizei alguns laboratórios e estudo de casos para montar o meu método e aprimorar as técnicas que utilizo hoje.
Em 2008, num espaço cedido por uma amiga, iniciei as aulas e treinamentos, de maneira informal, e também inclui a organização de residências nos serviços

prestados. A experiência adquirida nos primeiros 2 anos e atendendo à grande procura pelos treinamentos, decidi criar a empresa Yru Organizer no ano de 2009. Aluguei uma casa e com a empresa ampliei a área de atuação, além dos cursos de organização e serviços, montei uma pequena loja na Rua Napoleão de Barros e comecei a atender empresas e comércios.
Com a nova empresa, passei a atender mais e mais pessoas que também se interessam pelo fascinante universo da organização como ferramenta para buscar mais bem estar e prazer no seu lar.
Em setembro de 2014 mais uma grande mudança aconteceu, passamos para um espaço maior, abrimos uma loja na Rua Luis Góis. Com isto tive que abandonar a profissão de arquiteta para me dedicar exclusivamente ao mundo da organização.
No final deste ano de 2015 vamos enfrentar mais desafios. Estamos partindo para a expansão da Yru Organizer com a abertura de franquias em todo o Brasil.
O meu objetivo e também a missão da minha empresa Yru Organizer é promover praticidade e funcionalidade aos espaços, diminuindo o estresse gerado pela falta de organização e agregando qualidade de vida ao dia a dia das pessoas.
Para você que está chegando agora, seja bem vindo ao nosso mundo da organização!
Deixe nos comentários, assuntos que você gostaria de ler por aqui.
Um grande beijo,
Juliana Faria

Anúncios

Querida, a casa encolheu…

Pois é, o título bem que poderia ser de um filme de comédia, mas quem mora em locais pequenos, sabe que o tamanho reduzido do imóvel pede dose extra de imaginação.

Acomodar todos os objetos e ainda manter as coisas organizadas é um desafio quando não há tanto espaço. Mas com móveis funcionais ( devidamente planejados) e os acessórios certos, dá para deixar os ambientes arejados e charmosos.

 

Sob o sofá, ou mesmo próximo ao teto, é possível criar nichos para uma biblioteca cheia de estilo!

Na entrada de casa, uma escada-gaveta, para guardar chinelos e os sapatos que chegam da rua. Organização  e praticidade máxima.

Sob a escada, nichos, gavetas e portas, guardam chaves, correspondência e objetos que a gente vive espalhando pela casa.

O armário vira escritório e desaparece quando a visita chega!

A porta do banheiro já te ajuda a arrumar as toalhas para a família toda. 

Fotos: Reprodução

Decór de Ano Novo

O Natal acaba sempre recebendo maior atenção na ambientação, porque é uma festa familiar e por isso, tão importante, e também porque é comemorado antes do Réveillon.

Mas, depois que o Papai Noel vai embora, os presentes são abertos, não seria mais legal se toda a casa se preparasse com uma nova roupagem, mais adequada à chegada de um novo ano?

Por aqui, a brasilidade manda vestir branco e investir no brilho e como esse costume tem tudo a ver com festa, glamour e desejos melhores, por que não aderir ? Aqui, ideias para receber 2012 como ele merece: cheio de alegria, planos e muita luz!

 

Moderna e clean, aqui a mesa recebe jogos- americanos dourados, taças âmbar e louça branca. O charme fica por conta das gemas de vidro, encontradas em floriculturas e casa de artesanato.

Comemorar pertinho do mar é o jeito preferido do brasileiro celebrar a chegada de um novo ano. Para levar esse clima para casa, as conchas se transformam em base para velas, iluminando e encantando…

Simples e de grande efeito: copos simples, longos abrigam bolinhas douradas. O arranjo faz bonito sobre móveis, a mesa…em qualquer lugar!

Ao invés de uma toalha, o trilho de tecido deixa a mesa mais casual, aconchegante e moderna. Branco e off white ficam perfeitos juntos e se o arranjo florar seguir cores pastéis…melhor ainda. Para dar o “clima” de festa na decoração, pompons podem ser pendurados no teto, criando um efeito inusitado!

Não há ano que comece mal com uma guirlanda de Natal como esta…

Fotos: Reprodução

Todas as cores no Natal

Existem alguns costumes, dentro das comemorações, que são tradicionais e que repetimos em nossa casa, sem mesmo perguntarmos porquê estamos aderindo a esse estilo.

No Natal, a data mais importante do calendário cristão, são inúmeras as histórias que justificam cada elemento da decoração e da festa. Presentes na mesa, na comida, nos enfeites, “o dourado, o verde e o vermelho”, reinam absolutos, sem dar espaço a outras possibilidades de ambientação…precisa mesmo ser assim nesse nosso Brasil alegre e tropical?

Nossa proposta aqui é criar um Natal mais divertido, colorido e criativo, com o clima da nossa terra e o astral da nossa gente. Quem adere?

 

 

Dando as boas vindas, logo na entrada de casa, uma guirlanda com gravatas coloridas. Singela, porém irresistível!

O tom laranja da moranga nos parece mais familiar do que o “vinho” das cerejas e framboesas importadas, não?

Um mix de cores e estampas deixam qualquer festa mais animada!

E se ao invés do pinheirinho, pudéssemos montar uma árvore com um galho seco e envernizado e dele, pendessem cristais ? Flores artificiais completam a “árvore de sonho”, que pode nos acompanhar além das festas…


Quem acredita em Papai Noel também pode ser fashionista! As meias sem uso podem se transformar em peças de desejo com aplicação de paetês…

 

 

 

Vestindo presentes

Eis que dezembro chega, com sua maratona de festas e presentes. A correria diária soma-se aos cuidados com o visual, o roteiro de compras e os preparativos para as comemorações. No entanto, no meio do caminho, algo pode passar despercebido…os embrulhos de presente!

Depois de percorrermos lojas e identificarmos algo que realmente tenha “a cara” do presenteado, parece que nos cansamos e acabamos aceitando qualquer embalagem que as lojas disponibilizem, para embrulharmos o presente.

E aí, o que foi pensado com tanto carinho, acaba se desvalorizando dentro daquelas tradicionais caixinhas com a marca da loja. Para escaparmos dessa cilada, pesquisamos várias ideias de embrulhos super originais e charmosos, que você mesmo cria, e que encantam, de cara, quem recebe o pacote!

Partindo do básico, o ideal é que o pacote fique perfeitamente embrulhado…

Com um embrulho bem feito, em um bonito papel, fica mais fácil criar. Ao invés de laço, a fita em veludo dá duas voltas e é arrematada com uma pena de pavão.

Caixas simples ganham graça se revestidas por uma tira de jornal e amarradas com cordões de juta. A finalização com botões deixa tudo ainda mais interessante.

Criatividade é tudo, não é? Aqui, uma página de palavras cruzadas pode ser a grande sacada !!!! Para conseguir  a mensagem certa, imprima uma folha em que se possa encontrar palavras que remetam ao Natal…

Sabe aquelas toalhinhas de papel, que enfeitam bandejas e doces? Podem enfeitar os seus presentes também…
A outra opção é substituir fitas por festão de árvore de Natal…
Forminhas de brigadeiros ou cupcakes se transformam em lindas camélias e enchem os embrulhos de delicadeza!
Fotos: Reprodução

O que será de 2012?

Todos os anos, a multinacional holandesa AkzoNobel realiza uma pesquisa chamada Colour Futures, em vários países, que identifica o tom que melhor expressa o sentimento das pessoas, de acordo com o momento em que vivem. Esse estudo norteia os trabalhos do mercado de decoração e da moda, terminando por influenciar as nossas próprias escolhas.

Dessa vez, o “ir além das soluções óbvias e simplistas e buscar novas ideias” foi o comportamento mais notado entre as pessoas no mundo inteiro. Daí, o universo não poderia ter outro tom, se não o vibrante e envolvente “Chá Dançante”, o eleito para colorir os dias em 2012.

Pertencente à família dos vermelhos, a nova cor pode realçar a profundidade ou frescor de alguns tons, ou contrastar com outros. Ora  se harmoniza com os neutros e elegantes “caramelo”, “rosa-tom-de-pele” e os ‘pastéis amadurecidos”, ora enchem de modernidade  o “azul índigo”, o “ferrugem” e alguns matizes de cinza.

Aproveite que antecipamos o mood do próximo ano e comece desde já a planejar o visual da sua casa! Você pode pintar as paredes, provocando uma revolução no estilo, ou pode aplicar pequenos toques da cor em detalhes da decoração, criando um ambiente mais divertido.

 

Fotos: Divulgação

Melhores Momentos

Estamos entrando numa fase do ano em que as festas, confraternizações, casamentos e formaturas já tomam a nossa atenção. Tão importante quanto vivenciar e celebrar esses momentos é registrar tudo e guardar as lembranças!

Como hoje em dia tiramos fotos com máquinas digitais, optamos pelo armazenamento das imagens em CDs, pendrive, mas a tecnologia também falha…e para não corrermos o risco de perdermos nossas lembranças, o melhor a fazer é imprimir ( nem que sejam as melhores fotos) e armazenarmos tudo com cuidado e carinho.

Podemos guardar as fotos em caixas ou álbuns e a melhor maneira para organizá-las é classificando-as por temas, como “Aniversário 4 anos “, “Natal 2011”, “Viagem de Carnaval 2010”,etc.

Foto: Reprodução

Quem não abre mão do álbum, deve dar preferência àqueles que trazem papéis sem ácido ( utilizados para scrap book), que conservam a foto por mais tempo. No álbum podemos guardar todas as fotos de um evento, sendo  que para as caixas, selecionamos somente as melhores.  Nesses dois casos, o ideal é que ambos sejam guardados num local que não seja úmido!

Foto: Reprodução

Para quem adora os painéis e quer expor uma imagem antiga, dos tempos da máquina com filme tradicional, aconselha-se tirar uma cópia da mesma e guardar a original, pois o plástico ou o vidro do painel pode grudar no papel fotográfico, danificando a imagem. Da mesma forma, pode acontecer com os painéis magnéticos, cujas fotos desbotam mais rápido.

Foto: Reprodução